Sorry guys…

Não, este post não é sobre Nelson Ângelo Tamsma Piquet Souto Maior. É mais uma desculpa pela falta de posts mesmo. A verdade é que o concurso vestibular está me matando, e bom, entre entrar na faculdade e ficar blogando, prefiro o primeiro. Cometi o pecado de não falar sobre a corrida, em nenhum aspecto – nem treinos, nem a corrida, nem as estatísticas. Não há sentido falar sobre isso hoje, depois de dois dias. Então, meus caros leitores (não sei quem são, só sei que existem) vamos falar das notícias “quentes” de hoje: o anuncio da “Lotus” como a 13ª equipe e o rebaixamento da BMW Sauber à possível 14ª.

Lotus em 2010?! Infelizmente não serão carros pretos com dourado

Lotus em 2010?! Infelizmente não será em preto e dourado

Não era novidade que a fabricante de carros malaia Proton, dona da marca Lotus, queria colocar seu nome da Fórmula 1, juntando o projeto da Litespeed de Mike Gascoyne com sua marca multi-campeã da Fórmula 1, apesar de ter apenas o nome.

O que é intrigante era o fato de que o grid para 2010 já estava “fechado”, com suas 13 equipes, logo, alguma teria de sair para a “fake Lotus” entrar. A vítima foi a BMW Sauber, e, curiosamente, o anuncio do comprador da equipe começou a circular na mídia três horas mais tarde. A FIA garantiu que irá se “consultar urgentemente com as equipes existentes considerando a introdução de uma mudança de regras apropriada para expandir o grid para 28 carros, a tempo do primeiro Grande Prêmio de 2010”. Esse comunicado soa mais cínico que o Alonso dizendo que não sabia de nada sobre o Renaultgate / Singaporegate / Crashgate / Nelsinhogate etc. Oras, pensemos…

A FIA anunciou que dará imunidade a Pat Symonds se ele contar tudo o que supostamente sabe. E o que isso tem haver? Simples: a temporada de caça ao Briatore está aberta. A família Piquet está lutando ferrenhamente para acabar com a carreira do vendedor de roupas italiano, e garantir imunidade a Symonds é o mesmo que fazê-lo deixar o lado do Briatore, e a ele não vão conceder imunidade nenhuma. Com Flávio sozinho nesta história, ele pode ser expulso e a Renault publicar um pedido de desculpas formal, porém esclarecendo que as atitudes tomadas no GP de Cingapura foram responsabilidade de Flávio, e, assim, sair de fininho da categoria, esperando que todos esqueçam o ocorrido e que a sangria da propaganda negativa estanque.

É sabido que das três novas equipes, a que tem maiores chances de se concretizar é a Campos Meta. A USF1, segundo dizem os rumores, não tem nem estrutura, e a Manor é a equipe mais obscura que já apareceu na F1 desde que eu comecei a seguir o esporte. Ou seja, há grandes chances de não vermos algumas delas (ou todas elas) no grid ano que vem.

Resumindo: entre Renault, USF1, Manor e Campos, uma deve sair, e aí entra a BMW Sauber (que talvez se chamará Qadbak Sauber), ou até as duas únicas equipes que mereciam estar alí e não estão: Epsilon Euskadi e Prodrive. Ao que tudo indica, não será necessária a 14ª vaga.

Por que a escolha da fake Lotus?

A escolha da Lotus é mais uma com apelo político da FIA: sendo uma equipe malaia, a intenção é aumentar a popularidade no país, que é notoriamente rico em petrodólares. O GP da Malásia nunca teve suas arquibancadas lotadas e isso deve encomodar Bernie Ecclestone, que aparenta ter muitos interesses naquele Grande Prêmio. Isso se deve à falta de popularidade do esporte no país, e, talvez com uma equipe de lá (que será bancada pelo governo malaio), os habitantes locais possam se interessar mais e assistir a corrida no autódromo, mas é realmente esse o caminho certo?

Quantos pilotos malaios você já viu na Fórmula 1? Somente Alex Yoong, que era lembrado mais pelas barbeiragens do que por qualquer outra coisa. Mas ao invés do governo bancar uma equipe, que custa bilhões ao longo dos anos, por que eles não criam programas de jovens talentos automobilisticos e organizam categorias de base de baixo custo para estimular a gurizada malaia? Se a intenção é aumentar a popularidade, estão no caminho errado…

No fim das contas, é tudo mais uma manobra política da FIA, dependendo do desenrolar do Crashgate. E vocês, meus poucos leitores, o que acham? Quem correrá ano que vem? Sintam-se bem-vindos na seção de comentários.

Anúncios
  1. Joao
    17/09/2009 às 12:33

    Acho que essa historia de RenautGate vai acabar em pizza meia Italiana meia francesa, sobre as equipes novatas a unica que parece ter estrutura de verdade é mesmo a campos, é uma pena uma equipe tão grande e com tanto potencial com a BMW acar sendo comprada por esse qrupo que ceira a lavagem de dinheiro e 171.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: